As mensagens e sons da Terra

Em 1977 nos Estados Unidos da América o presidente era Jimmy Carter. O Petróleo era escasso. Chegava ao fim o “milagre econômico brasileiro. Vivia-se a guerra fria (EUA-URSS). Nesse mundo turbulento e até certo ponto cínico – e em nome dele –A agência espacial americana (NASA) lançou duas sondas gêmeas e pequenas para os padrões de naves espaciais, e do Cabo Canaveral.

Disco de ouro instalado na sonda espacial Voyager 1

Disco de ouro instalado na sonda espacial Voyager 1

As “Voyager 1” e “Voyager 2”, inicialmente concebidas para explorar planetas exteriores: Júpiter, Saturno e suas luas. Além de realizarem esse trabalho com perfeição, e embaladas pela gravidades desses planetas e quase 35 anos após o dia em que deixou a Terra para trás, uma delas, “Voyager ‘” finalmente, passou a ser a maior façanha do ser Humano e essa sonda agora aventura-se além da influência do nosso Sol.

 

As sondas Voyager são tecnicamente não tripuladas, em outro sentido, no entanto, elas carregam toda a humanidade e aceleraram através do espaço. Cada uma das sondas transporta um objeto que é, em todos os sentidos, um recorde – da Terra, da humanidade, da unidade da humanidade para chegar e lutar e sonhar e explorar a imensidão do “Universo”. As duas serão eternamente lembranças épicas, são um produto de Carl Sagan e uma equipe que, em janeiro de 1977, desenvolveram a ideia de levar ao espaço dois discos de ouro, um com os sonhos da Terra e outro com sua história e posição na galáxia e no sistema solar. Se vida extraterrestre inteligente as encontrarão, o mais provável é que nós dessa geração nunca saberemos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s